Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Assins & Assados

Assins & Assados

10
Ago22

Ao tentar não ir a nenhum restaurante de cadeia, o menu veio com brinde!

IMG_20220804_111540.jpg

 

beige.jpg

 

Estava um dia quente, estava a terminar um passeio de barco, era hora de almoço. Apetecia-me sentar a ver a baía, a beber uma cerveja e almoçar de seguida. Uma tarefa que não era tão fácil como parecia... apesar de haver imensos restaurante, com esplanadas e com cerveja...

O número de cadeias de restaurantes, cafés e coisas do tipo no UK é uma coisa quase inimaginável. Vi uma lista dos mais populares, onde estão mais de 100, e até era capaz de adicionar bem mais de uma dezena de nomes que lá não estão, talvez por terem menos restaurantes. Há de todos os tipos, para todos os gostos, e de preços variados. Estão por todo o lado, em qualquer cidade, sobretudo nas zonas mais frequentadas por visitantes, e nas zonas comerciais... os nomes são os mesmos, os menus também. Em Portugal também as há, algumas até são as mesmas, outras não, mas a escala é bem diferente.

Compreendo as vantagens - economia de escala nas compras e na produção da comida, acredito que são usadas cozinhas centrais e as refeições só são finalizadas nos restaurantes. Também permitem alguma consistência, os clientes sabem o que os espera, não só o que está disponível, como a qualidade, são consistentes em todas as lojas.

Reconheço até que algumas até têm propostas interessantes e ambientes engraçados, que por vezes dá jeito saber o que nos espera, que a relação preço qualidade também é boa em certos casos. Mas é tão bom experimentar coisas novas! Dou por mim muitas vezes a procurar restaurantes num dado local e a fazer a busca por "independent restaurants".

Uma semana de férias e uma decisão, tentar não ir a nenhum restaurante de cadeia, apenas independentes (ou pelo menos que os considerasse como tal, pois por vezes pertencem aos mesmos grupos).

No Mermaid Quay, na Baía de Cardiff, a tarefa não parecia fácil. Algumas dezenas de restaurantes e eu conhecia praticamente todos os nomes. Finalmente vi a Bayside Brasserie, uma esplanada num terraço, uma bonita vista, e  não conhecia o nome, não associava a nenhuma cadeia. A juntar a isto, um menu de almoço com um preço razoável. Estava decidido!

O menu até tinha coisas interessantes e adaptadas ao local. Olhei para a lista das bebidas, não tinha cervejas de pressão, e nem sequer artesanais. Mas... vinha com brinde! Uma das poucas cervejas de garrafa disponíveis  dizia-me muito!

 

IMG_20220804_123624.jpg

 

 

2 comentários


  • Quero aqui enviar
    meus parabéns e,
    também as minhas
    sinceras saudações
    direto do Brasil, mais
    precisamente da minha
    localidade de Alegrete, RS
    Estou a fixar residência no
    Brasil. E eu amo muito Portugal.
    Sou fascinado por este pequeno
    país, cujas terras, são lusitanas.
    Com pouco mais de 10 milhões
    habitantes, banhado-se pelo Mar
    Oceano Atlântico. Portugal pois
    estar a ser banhado pelo Mar do
    Oceano Atlântico. Acima, eu estive
    lendo este texto lindíssimo. Achei
    super bacana que convida-nos a
    uma sensacional e incrível aventura
    de verão, estando a desfrutar pois da
    praia, a esta altura em que é verão no
    Hemisfério Norte em Portugal. Estamos
    de facto a esta altura, à época balnear.
    E às férias de verão. Então, sobretudo,
    este texto é um convite a todos nós para
    que venhamos a desfrutar nosso veraneio
    em grande estilo, reunindo-vos com nossos
    familiares e por que não dizer....a desfrutar
    da maravilhosa companhia dos amigos. E,
    posso sentir realmente o gostinho pois do
    vislumbre de sentar-me e a apreciar pois
    por vezes....e horas, horas....a esta que é
    a fantástica vista incrível e extraordinária
    para a baía de toda a esta faixa costeira.
    Pois lembrou de Portugal...a impressão
    pois que vem em nossa mente, já é o mar.
    O mar é realmente infinito e não tem fim! O
    mar energiza-nos. O mar é uma terapia. E
    os mergulhos que damo-lhes pelas águas
    da baía da faixa costeira, é uma terapia que
    fazem-nos muito bem para a nossa alma, o
    corpo e a mente, melhorando pois a nossa
    auto estima, o nosso bom humor, e, purificando-vos
    a nossa mente, o nosso corpo, proporcionando uma
    melhor terapia. Por isso mesmo, ao ler este incrível e
    maravilhoso texto, eu confesso que é como eu tivesse
    embarcado em um barco e ficasse por horas e horas a
    desfrutar o meu passeio, apreciando-vos a toda natureza.
    Espero algum dia, concretizar o meu sonho de conhecer a
    Portugal. Será uma experiência incrível e inesquecível que
    vou carregar dentro de mim, procurando levar consigo pois
    dentro de mim, esta inesquecível experiência que trarei em
    minhas bagagens quando regressar-vos de volta ao Brasil.
    Mas, porém, sobretudo, que com certeza absoluta, levarei
    consigo por toda a minha vida, ou seja, sobretudo, a eternidade.
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

    Mais sobre mim

    Seguir

    Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Pesquisar

    Comentários recentes