Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Assins & Assados

Um livro essencial!

por Paulina Mata, em 17.01.20

Undiscovered Food Stories 2.jpg

 

preto.jpg

 

Comprei o livro The Undiscovered Food Stories of Nothern Portugal um pouco por acaso. Estava num supermercado aqui do bairro, quem ia comigo perguntou-me se tinha visto o livro. Não, não tinha. Mas voltei atrás, dei com ele na prateleira de baixo, pouco visível. Peguei nele, adorei a capa e meti-o no carrinho das compras. Só já em casa, depois de o folhear, e principalmente de o ler, me apercebi do que tinha entre mãos. Há coisas que inevitavelmente o tempo vai mudar, não adianta resistir,  a forma como vivemos mudou. Há coisas que é importante registar. E este livro, muito centrado no mercado do Bolhão, regista muito do que era a vida e as vivências daquele mercado, e muito da cozinha e produtos da região norte do nosso país.

 

Tenho descoberto que gosto muito de livros sobre comida portuguesa escritos por estrangeiros. Têm uma visão diferente, valorizam coisas em que não reparamos, transmitem-nas de uma forma em que nos reconhecemos, e em que aprendemos muito. Este é escrito por uma americana, Gabriella Opaz, e por Sónia Andresson Nolasco, uma portuguesa a viver nos Estados Unidos. As belíssimas fotos são de Ryan Opaz. O casal Opaz fundou em 2005 a empresa Catavino que organiza circuitos e visitas relacionados com cozinha e vinhos em Espanha e Portugal. Inicialmente baseados em Barcelona, estão desde 2013 baseados no Porto. A certa altura decidiram que todo o conhecimento acumulado ao longo dos anos devia ser registado e partilhado. Assim nasceu o projeto deste livro.

 

Lembro-me de ir ao mercado do Bolhão em criança com uma tia que vivia no Porto. Não foram muitas as oportunidades, mas lembro-me da azáfama, dos pregões, do movimento. Anos depois voltei e encontrei um mercado do Bolhão já na sua fase de decadência, bem longe daquilo de que me recordava. O espírito do mercado do Bolhão encontrei-o neste livro, descrito de forma fascinante. 

 

Um mercado é sobretudo definido pelos seus vendedores, pelas relações que conseguem estabelecer. E foi isso que encontrei neste livro. Uma visão muito humana do mercado, das pessoas que quase lá nasceram e ali passaram toda uma vida. As caras, as histórias de vida. De repente a imagem um pouco decadente do mercado do Bolhão que tinha foi-se desvanecento, e foi voltando a imagem que ainda tinha de criança. Fui-lhe associando caras que possivelmente nunca tinha visto, histórias de vida e produtos que não conhecia.

 

peixe.jpg

 

Tendo como elemento central o Bolhão e os produtos lá vendidos, várias regiões do norte e os seus produtos são introduzidos. Sempre de forma muito humana, associando as caras e histórias de quem os produz. Tanta coisa que não conhecia. Tantas coisas a descobrir.

 

Há capítulos sobre Pão, Frutas e Vegetais, Peixes e Mariscos,  Aves, Carne, Salsicharia, Doces e Café. Aqui e ali há uma  ou outra receita. Até lá descobri uma de um amigo de que há muito não sei nada.

 

pao.jpg

 

Um livro excelente!  Só não entendo uma coisa. Como é que não há uma versão do livro em português? Ainda entendo menos considerando que ele está traduzido.  

 

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.