Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Assins & Assados

Um expositor de rebuçados que originou uma viagem no tempo

por Paulina Mata, em 31.03.16

Heller rebucados.jpg

rosa.jpg

 

Ao entrar na Casa do Pão de Ló de Alfeizerão vi um lindíssimo e antigo expositor com rebuçados, no topo dizia Heller. Vê-lo foi o início de uma rápida viagem no tempo.

 

Quando era miúda aos domingos o ritual era frequentemente o mesmo. Ia com os meus pais e irmãos à missa do meio dia e meio. A minha Mãe tinha 6 crianças e um espírito muito prático, por isso almoçávamos antes. Com tanta gente significava que almoçávamos pelas 11 e meia.


Depois da missa descíamos a rua e íamos visitar a minha Avó que vivia na mesma rua, entre a nossa casa e a igreja.
A minha Avó, que já tinha ido à missa das 7 e meia ou 8 da manhã, estava nessa altura a almoçar. O almoço era invariavelmente, pelo que me lembro, bifes com arroz de manteiga e batatas fritas. Nós já tínhamos almoçado há duas horas e ficávamos a olhar para a travessa, e sobretudo para as batatas, e com uma vontade enorme de comer. Mas éramos 6, 12 olhos a cobiçar o almoço da minha Avó... uma prova a cada um era a travessa inteira, de modo que ficávamos só olhando e esperando pelo que se seguia.


Na prateleira mais baixa de um dos móveis da casa de jantar havia uma caixa de bolachas sortidas, acho que a marca era Heller (ou Elba, não sei precisar, mas descobri que a fábrica era a mesma, e eventualmente variaria entre Elba e Heller), depois de almoçar a minha Avó dizia a um de nós para ir buscar a caixa. Depois abria-a e cada um tinha direito a escolher uma bolacha, só uma. E os 12 olhos ficavam a olhar, a avaliar... com receio de não fazer a melhor escolha. E lá tirávamos uma delas, só no domingo seguinte haveria outra.

Outras vezes a minha Avó dava-nos 5 tostões (0,0025 euros) para irmos comprar um cartucho de amendoins à loja do Sr. Moreira, que trazíamos e comíamos todos à volta da mesa. Uma vez estava particularmente generosa e deu-nos dinheiro para 3...

Na altura nunca discuti com os meus irmãos estas visitas à minha Avó, agora por vezes algum de nós resolve contá-las aos miúdos e conversamos sobre elas e as memórias são as mesmas. O suplício de ver a travessa do almoço e não lhe poder tocar, e a caixa de bolachas e a difícil escolha, marcaram-nos mesmo.

 

gomas1.jpg

 

Mas a viagem iniciada ao ver o expositor do rebuçados não ficou por aqui... Em criança as guloseimas estavam bem menos disponíveis do que actualmente. De vez em quando, muito raramente, os meus Pais compravam-nos uma embalagem de geleias da Heller para partilharmos entre os 6. Gostava tanto! Ainda se encontram por aí, com a marca Elba, e de vez em quando compro-as para reviver aquele prazer de infância. Estão tão boas como sempre foram.

 

gomas2.jpg