Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Assins & Assados

Cabazes de Legumes - recuperação de um processo alternativo de distribuição

por Paulina Mata, em 15.05.17

cabazes_biologicos.jpg

 

vermelho.jpg

 

Há uns anos surgiram os cabazes de legumes. Geralmente pequenos produtores, ou grupos de pequenos produtores, que não tendo possibilidade de escoar os seus produtos pelos grandes canais de distribuição alimentar, encontravam uma forma alternativa e mais personalizada de chegar aos seus clientes. Esta forma de comprar legumes e fruta diretamente aos produtores, sem passar por intermediários comerciais, permitia uma ligação mais estreita entre consumidores e produtores e um incentivo e apoio à produção local.

 

Embora não fosse consumidora destes cabazes, via com muito bons olhos esta forma alternativa de distribuição e este contacto mais estreito entre produtores e clientes. Para os clientes era também uma forma de, sem grande esforço, obterem os produtos sazonais, de facto aqueles que estavam na força da sua produção em cada semana, e também um desafio a que consumissem vegetais diferentes, que normalmente não comprariam, mas que vinham no capaz e acabavam por experimentar.

 

No entanto a grande distribuição recupera tudo. Até isto! Não gostei de ver há umas semanas que agora o Continente disponibiliza aos seus clientes cabazes, entregues em casa. De legumes, mas também de fruta, carne, de peixe e de mariscos. Tudo o que levou à criação desta forma de distribuição, e que era interessante nela, se perdeu, e eles usam essa imagem e conceito para venderem mais e aumentarem os seus lucros. Retiram significado ao conceito, ocupam um espaço que era de outros e, eventualmente, acabam com o negócio e forma de vida de pequenos agricultores. 

 

É tão triste ver estas coisas a serem recuperadas pelas grandes cadeias! É também mau sinal, como ontem referia.

 

Foto DAQUI

2 comentários

Comentar post