Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Assins & Assados

A Irresistível Companhia Portugueza do Chá

por Paulina Mata, em 29.04.16

cpc11.jpg

 

azulescuro.jpg

 

Há que tempos que tinha vontade de ir à Companhia Portugueza de Chá. Tinham-me falado da loja e dos chás, estava na minha lista de coisas a ir, mas não passo por ali com frequência. Há dias passei. Nem estava planeado. Quando passei em frente da porta foi irresistível entrar... e rapidamente percebi onde estava.

 

cpc1.jpg

 

Uma loja linda, um ambiente calmo, intimista, um aroma a chás. Quando perguntei o que me aconselhavam, abriram algumas latas e deram-me a cheirar. E que aromas! Magníficos! Apetecia-me trazer tudo... não podia... Estamos a Primavera... fiquei-me por algumas flores.

 

Mas convém começar pelo princípio. A Companhia Portugueza de Chá foi fundada há cerca de dois anos por Sebastian Filgueiras, um argentino que por cá vive há mais de 15 anos, e sempre ligado à gastronomia. Foi ele que abriu o Café Buenos Aires e o Café Buenos Aires na Fábrica. Mais recentemente interessou-se por chás e resolveu abrir uma loja, e em boa hora o fez. De facto, somos o único país europeu que produz chá (nos Açores, e quem sabe daqui por não muito tempo também lá para o norte...), estamos ligados à divulgação do chá na Europa, foi Catarina de Bragança que introduziu o hábito do chá das cinco em Inglaterra, mas sabemos muito pouco de chá, e não o valorizamos particularmente.

 

Sebastian Filgueiras estudou e aprendeu sobre chás, abriu a loja, que também decorou, e além de importar bons chás de várias proveniências, faz também os seus próprios blends. Foram dois destes que decidi começar por experimentar.

 

cpc pr.jpg

 Primavera - chá verde com flores, e frutos vermelhos desidratados

 

cpc cx.jpg

Caxemira - chá preto com flores

 

Saí de lá com informação sobre a temperatura da água e tempos de infusão e tenho preparado uns chás excelentes. Mas, em cima do balcão estavam uns frasquinhos com botões de rosa desidratados. Dois botões para uma chávena de infusão de rosas, foi o que me disseram. E eu dificilmente consigo resistir a rosas...

 

cpc5.jpg

 

É tão bom ter uma loja assim em Lisboa!

 

Companhia Portugueza do Chá - Rua do Poço dos Negros, 123 - Lisboa

 

 

 

 

 

 

2 comentários

Comentar post